Veja o depoimento

Em entrevista ao jornal Wales Online, o vocalista do Iron Maiden Bruce Dickinson criticou um movimento que acontece no Reino Unido atualmente de fechamento ou reforma de pequenas casas de shows, que estão perdendo lugar e identidade. O músico disse:

“Infelizmente é o que parece estar acontecendo em muitos lugares.

É a gentrificação do centro da cidade, o fim dos cantos escuros que são tão legais e que os jovens curtem. O Iron Maiden não teria começado senão fosse por lugares assim.

O lado bom é que você não precisa de muito para ter um lugar que tem um som e as pessoas apareçam. Casas de shows pequenas são indispensáveis para as bandas. Sempre foram e sempre serão. Eu acho que o que estamos perdendo aqui, e que alguns lugares da Europa fazem melhor, é a proteção da infra-estrutura social. E pequenos pubs e casas de shows fazem parte disso.

Só porque algo vale X por metro quadrado… Este é o caso de pessoas que sabem o preço de tudo mas não sabem o valor de nada.

Estas coisas são vitais, e são a razão pela qual as pessoas vem para o centro da cidade, mantendo a cidade viva. E não são só os chiques que querem beber um café, existem outras pessoas no mundo que tem necessidades culturais, e o Rock N’ Roll é realmente fundamental para a vida das pessoas hoje em dia”

Categorias: Notícias

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *