Nightwish está celebrando 20 anos de carreira

Comemorando os 20 anos de carreira, os finlandeses do Nightwish vieram ao Brasil para um único show com a turnê Decades, onde prometiam tocar músicas nunca ou pouco executadas antes.

Para banda de abertura, os holandeses do Delain trouxeram músicas do seu último álbum de estúdio, Moonbathers, lançado em 2016, como “The Glory And The Scum”, “The Hurricane”, além da participação de Marco Hietala em “Sing To Me”e finalizando o show curto com a famosa “We Are The Others”, música inspirada em Sophie Lancaster, jovem que foi assassinada na Inglaterra em 2007, por se vestir de forma gótica.

Pouco tempo depois veio ao palco, o Nightwish, trazendo à tona muitas lembranças e lágrimas, iniciando o show com uma versão instrumental da calma e doce “Swanheart”, música do álbum Oceanborn, de 1998. A calmaria deu espaço a uma trinca de músicas enérgicas e muito conhecidas pelo público. “End Of All Hope”, “Wish I Had An Angel” e “10th Man Down”. A empolgação do público era incrível, e refletia na alegria de Floor Jansen, Marco Hietala, Emppu Vuorinen, Tuomas Holopainen, Troy Donockley e Kai Hahto.

Passando por todas as fases da banda, que está agora em sua terceira vocalista, o setlist trouxe duas músicas do último álbum da banda, Endless Forms Most Beautiful, lançado em 2015. “Élan” contagiou o público, enquanto “The Greatest Show On Earth” trouxe ainda mais emoção.

Em uma turnê que promete comemorar a carreira da banda, clássicos não faltaram. A cada música antiga, mais empolgação e lágrimas. “Gethsemane”, “Sacrament Of Wilderness”, “The Kinslayer”, “Devil & The Deep Dark Ocean”  e “Slaying The Dreamer” incendiaram ainda mais a plateia que não polpava pulmões para cantar cada refrão.

O primeiro álbum, Angels Fall First, lançado em 1997 também teve seu espaço com “Elvenpath” e “The Carpenter”, deixando os fãs mais antigos em êxtase, enquanto na poderosa “I Want My Tears Back”, Floor pedia para que todos dançassem.

Duas horas de um verdadeiro espetáculo, mas que não poderia acabar sem os dez minutos da épica “Ghost Love Score”, com o público emocionado cantando cada palavra.

Um verdadeiro espetáculo recheado de nostalgia, sorrisos e lágrimas.

Nightwish – setlist:
“Swanheart”
“End of All Hope”
“Wish I Had an Angel”
“10th Man Down”
“Come Cover Me”
“Gethsemane”
“Élan”
“Sacrament of Wilderness”
“Deep Silent Complete”
“Dead Boy’s Poem”
“Elvenjig”
“Elvenpath”
“I Want My Tears Back”
“Amaranth”
“The Carpenter”
“The Kinslayer”
“Devil & the Deep Dark Ocean”
“Nemo”
“Slaying the Dreamer”
“The Greatest Show on Earth”
“Ghost Love Score”

Fotos por Marta Ayora.

Confira mais notícias sobre: