Último álbum do Testament foi lançado em 2016

Durante o programa Full Metal Jackies, o vocalista do Testament, Chuck Billy, disse que a banda espera gravar novo álbum em 2019. “O plano é conseguir muitos riffs saindo da turnê [que o Testament está fazendo com o Slayer], porque nós temos muito tempo em nossas mãos”, disse ele. “Então, quando terminarmos isso, iremos para casa e Eric Peterson e eu vamos nos encontrar e tentar juntar um monte de musicas, porque o objetivo é entrar no estúdio em janeiro e ter o álbum em abril. Esse é o objetivo”.

Billy prosseguiu dizendo que ele deseja que o Testament faça um novo álbum a cada ano. “Nós falamos sobre isso, porque em nossos primeiros anos nós fizemos cinco discos consecutivos, ano após ano”, disse ele. “E eu penso sobre isso, nós escrevemos um álbum e fizemos turnê, [voltamos] para o estúdio, escrevemos um álbum, fizemos uma turnê, não houve folga. Mas você teve um grande impulso. Então , você tem que pensar nisso – você não quer perder o ímpeto quando você tem algo acontecendo. Então, é um equilíbrio difícil. Mas se você estiver preparado, nós vamos em frente. ”

Chuck continuou dizendo que a resposta esmagadoramente positiva aos dois últimos álbuns do Testament, Dark Roots of Earth de 2012 e Brotherhood Of The Snake de 2016, coloca mais pressão sobre ele e seus companheiros de banda. Mas, ele disse, “Eu acho que a pressão é boa. Desde [1999] The Gathering, eu acho que estamos pegando impulso e aprimorando nossa técnica e o que é o Testament, e especialmente tentando soar mais atual, do que o estabelecido nos anos 80 ou qualquer outra coisa. Acho que agora é definitivamente diferente”.

Tags:
Categorias: Notícias

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *