O Spotify removeu as músicas e perfis de diversos artistas russos sancionados pela União Europeia (UE) devido ao seu apoio à invasão da Ucrânia. De acordo com o The Moscow Times, entre os músicos afetados estão a banda Lyube e os cantores Grigory Leps, Oleg Gazmanov, Polina Gagarina e Shaman.

Em comunicado, a plataforma de música afirmou que estão cumprindo as próprias regras. “As regras da plataforma afirmam claramente que precisamos tomar medidas quando identificamos conteúdo que viola explicitamente nossas políticas de conteúdo ou leis locais. Após análise, esses artistas atingiram o limite para remoção”.

Em 2022, Spotify até chegou a suspender seu serviço na Rússia, fechando seus escritórios em resposta início da guerra. No comunicado, abordaram esse assunto. “O Spotify continua acreditando que é extremamente importante tentar manter nosso serviço operacional na Rússia para fornecer notícias e informações confiáveis ​​e independentes da região”.

LEIA TAMBÉM: Spotify pode aumentar valor das assinaturas

Tags:
Categorias: Notícias