O Scorpions revelou a arte da capa de seu novo single, “Peacemaker”. A faixa, que estava originalmente agendada para lançamento em 21 de outubro, será lançada na semana que vem, dia 4 de novembro.

A banda disse: “Aqui está: a arte da capa do ‘Peacemaker’! Esta foto captura perfeitamente como nos sentimos como uma banda. Estou muito animado para ouvir o novo single. Pré-salve agora para ouvir um trecho exclusivo da música!”

“Peacemaker” é o primeiro single do 19º álbum de estúdio do Scorpions, Rock Believer, que com a previsão de lançamento para dia 11 de fevereiro de 2022.

Durante a pandemia, a banda foi para o estúdio em sua cidade natal na Alemanha, em Hanôver, para começar a trabalhar em novas canções.

“O álbum foi produzido com o DNA do Scorpions com composições de [Rudolf] Schenker/[Klaus] Meine“, disse o cantor Klaus Meine à Blabbermouth. “Gravamos o álbum como uma banda ao vivo em uma sala, como fazíamos nos anos 80”.

Rock Believer foi gravado no Peppermint Park Studios em Hanôver e mixado no Hansa Studios em Berlim, com o engenheiro Michael Ilbert. Ele já recebeu várias indicações ao Grammy por seu trabalho de mixagem com o produtor Max Martin em álbuns de Taylor Swift e Katy Perry.

O novo álbum do Scorpions marcará seu primeiro lançamento desde 2017. Born To Touch Your Feelings – Best Of Rock Ballads, que foi uma antologia de material novo e clássico.

A princípio, o álbum seria produzido por Greg Fidelman, conhecido pela experiência com bandas como Slipknot e Metallica, mas a impossibilidade de se reunir com o profissional tornou o projeto completamente inviável. “É muito difícil se comunicar [online]. Mas talvez no próximo álbum, quem sabe? Decidimos seguir em frente e fazer o melhor que pudermos”, explicou Mikkey Dee sobre a decisão de seguir sem Fidelman. A banda então optou por comandar as gravações com a ajuda de seu engenheiro Hans-Martin Buff.

Meine disse anteriormente ao Talking Metal que o objetivo de usar Fidelman para produzir Rock Believer era trazer “a vibração antiga de álbuns como Blackout, Love At First Sting ou mesmo Lovedrive. Tentamos nos concentrar nesses álbuns e essa atitude”, afirmou. “Se chegarmos lá, quem sabe. Mas é o espírito e toda a vibe em torno deste álbum. Desta vez, o foco está nas músicas mais pesadas”.

De acordo com Meine, o novo LP do Scorpions “não apresenta nenhum escritor externo”, ao contrário de Return To Forever de 2015, que foi em grande parte co-escrito pelos produtores do álbum, Mikael Nord Andersson e Martin Hansen.

Tags:
Categorias: Notícias

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *