O calendário de shows internacionais pela América do Sul em 2022 começa a ganhar grandes nomes. De acordo com o jornal chileno La Tercera, bandas como Pearl Jam, Rolling Stones, Queen e mais bandas de rock estão negociando shows por aqui para os próximos 18 meses. 

E não acaba por aí: produtores locais citam ainda negociações em andamento com Guns N’ Roses, atualmente cotado para o Rock In Rio do próximo ano, e Roger Waters e David Gilmour entre 2022 e 2023. 

A publicação divulgou um impasse no setor de entretenimento no Chile devido a decisão do governo local pela reforma do Estádio Nacional, tendo em vista a realização dos Jogos Pan Americanos de 2023, que acontecerão na capital Santiago. 

As melhorias no principal estádio do país estão previstas para terminar em setembro de 2022, mas uma nova cláusula nos contratos de aluguel do espaço pode impedir que shows de nomes já confirmados, como Metallica e Iron Maiden, assim como artistas que estão em fase de negociação, desistam de passar pelo país. A decisão atual do governo é que as reformas são prioridade com relação aos eventos musicais e, portanto, o prazo para término das mesmas poderia se estender indeterminadamente, cancelando qualquer pré-acordo para shows. 

O impasse em questão certamente não afeta a agenda de shows desses artistas no restante da América do Sul, mas as informações divulgadas pelo jornal indica alguns dos principais nomes que devem passar também pelo Brasil até 2023. 

LEIA TAMBÉM: Greta Van Fleet anuncia show solo no Rio de Janeiro em 2022

Categorias: Notícias

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *