O Motörhead foi formado em 1975 pelo baixista e vocalista Ian Fraser Kilmister, Lemmy, que até hoje é o único membro constante da banda. Quando demitido da sua banda Hawkwind, Lemmy recrutou o guitarrista Larry Wallis e o baterista Lucas Fox e formou o Motörhead, nome dado em homenagem à última música que havia feito em sua ex-banda. Antes mesmo de seu primeiro álbum, Fox foi substituído por Phil Taylor, enquanto Eddie Clarke entrou no lugar de Wallis. A formação de Lemmy com Taylor e Clarke é considerada a formação clássica do Motörhead.

Com essa formação, o Motörhead lançou seus quatro primeiros álbuns: Motörhead, Overkill, Bomber e Ace Of Spades. Em 82, Clarke deixou a banda e Mick Wurzel e Phil Campbell entraram em seu lugar, transformando a banda em um quarteto. Na mesma época, Taylor também saiu e foi substituido por Pete Gill, mas apenas durante o álbum Orgasmatron, em 86. Taylor retornou para gravar mais dois álbuns e saiu novamente, dando lugar ao sueco Mikkey Dee.

Em 1992, a banda lançou o álbum que se tornou seu maior sucesso comercial, March ör Die, com participações de Slash e Ozzy Osbourne. O álbum contou com 3 bateristas: Phil Taylor, Mikkey Dee e Tommy Aldridge (para a maioria das faixas). Em seu 12º álbum, Sacrifice, Wurzel deixou a banda e o Motörhead voltou a ser um trio.

Fundindo heavy metal e punk rock, a banda de Lemmy ajudou a criar o speed e o thrash metal, que vieram mais tarde. O Motörhead lançou 21 álbuns de estúdio, 10 álbuns ao vivo e 5 EPs, vendendo mais de 30 milhões de álbuns ao redor do mundo. Lemmy faleceu em 2015.

Confira tudo que já publicamos sobre o Motörhead aqui.

Categorias: Everything