Em uma nova entrevista para a Vulture, Dave Grohl foi perguntado sobre o processo movido contra o Nirvana por Spencer Elden, o famoso bebê da capa do disco Nevermind. Hoje adulto, Elden alega que seu registro nu qualifica exploração sexual infantil, colocando a criança na posição de “um trabalhador do sexo, se agarrando por uma nota de um dólar”. 

Grohl foi bastante sucinto em sua resposta, mas deixou claro seu posicionamento. “Não sei se posso falar sobre isso porque não passo muito tempo pensando nisso. Eu me sinto do mesmo jeito que a maioria das pessoas; tenho que discordar. Isso é tudo que vou dizer,” respondeu.

O entrevistador Craig Jenkins insistiu brevemente no assunto, apontando que Spencer Elden recriou a foto de capa do Nevermind diversas vezes depois de adulto – a mais recente aos 25 anos. “Olha, ele tem uma tatuagem do Nevermind. Eu não tenho,” respondeu Dave Grohl.

Recentemente, Elden também entrou com um pedido para que a imagem de sua genitália fosse removida da capa da reedição de aniversário de 30 anos do disco, ao que Dave Grohl respondeu ter “muitas ideias” para a alteração.

LEIA TAMBÉM: Nirvana: Courtney Love acredita que sucesso de ‘Nevermind’ influenciou morte de Kurt Cobain

Categorias: Notícias

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *