Vocalista ainda explicou o motivo de sempre trocar suas máscaras

O Slipknot é famoso pelos seus macacões e máscaras que a cada ciclo novo, passam por uma transformação. Durante uma conversa com o Dean Delray no podcast Let There Be Talk, Corey Taylor revelou como criou a primeira máscara que usou na banda.

“Foi tentantiva e erro”, contou o vocalista, “Para alguns dos caras, foi natural a escolha, o Clown tinha a máscara desde os 12 anos. Para mim, eu não sabia por onde começar”. Então o músico conta que a esposa do co-fundador Clown o ajudou na criação da máscara: “Eles encontraram uma máscara antiga de um boneco e comecei a usar ao contrário.”

Taylor explica que usava dreads no cabelo na época e precisava passar eles por fora da máscara e quando ele os tirou, a solução foi simples: ele colocou seus próprios dreads na máscara.

“Os caras da banda estão felizes com suas máscaras, mas eu gosto de explorar quem eu sou agora, então eu mudo sempre. Nada contra a escolha deles, mas principalmente com as letras, eu não sou a mesma pessoa que eu era quando fizemos .5: The Gray Chapter, e antes disso com All Hope is Gone. Estou mudando constantemente e acho que as máscaras devem acompanhar esse processo.”

O vocalista revelou que trabalha com diferentes artistas a cada mudança de máscara. Recentemente, ele apresentou uma parte do novo modelo, que ele deve começar a usar assim que lançar o próximo disco do Slipknot.

Ouça o podcast na íntegra logo abaixo.

LEIA TAMBÉM: “Roupas do Slipknot são as mais nojentas”, revela lavanderia de celebridades

Confira mais notícias sobre: