Veja declaração

Em entrevista ao jornal australiano Bay of Plenty Time, o baterista do AC/DC Phil Rudd disse estar interessado em voltar para a banda. Rudd não está mais no AC/DC desde o segundo semestre de 2014, quando foi acusado de tentativa de homicídio e posse de drogas. O baterista foi condenado a oito meses de prisão domiciliar.

Na entrevista, Rudd diz estar animado com seu projeto solo atualmente, mas que não descartaria uma reunião com o AC/DC: “Se o Angus quiser que eu toque, depende dele. Mas eu não queria muito tocar com Axl Rose. Eu não gosto muito dele”.

Rudd acrescentou: “Geoffrey [Spencer, guitarrista de sua banda solo] é um grande guitarrista, tão bom quanto Malcolm, melhor até se você me perguntar”.

Confira mais notícias sobre: