Separamos os clipes mais assustadores para você curtir a data com a gente

O Dia das Bruxas chegou!

Apesar de não ser uma data intensamente celebrada no Brasil, o 31 de outubro é aguardado o ano inteiro por diversos países. Nesse dia, o mais esquisito, o mais diferente e o mais assustador são celebrados com fervor.

A data conta com tradições de comportamento, moda, cinema e, claro, a música não fica de fora. São milhares as referências ao Dia das Bruxas em canções e clipes e aqui nós selecionamos os seis melhores trabalhos audiovisuais do rock e do heavy metal para você celebrar com a gente o famoso Halloween.

6. Cradle of Filth – “Babylon AD (So Glad for the Madness)”

Confuso é a palavra que melhor descreve esse clipe. Utilizando a técnica de found footage – quando um filme se passa por um documentário filmado com apenas uma máquina -, o clipe mostra homens e mulheres assustados enquanto correm e gritam em um corredor.

5. Rob Zombie – “House of a Thousand Corpses”

Antes mesmo da faixa começar, o clipe já traz imagens e vozes que assustam. Misturando cenas de Rob Zombie ao vivo com trechos do filme House of a Thousand Corpses, o clipe é bizarro o suficiente para ser celebrado no Dia das Bruxas.

4. Slipknot – “The Devil and I”

Pelas máscaras e pelo tom insano dos clipes do Slipknot, qualquer um poderia entrar nessa lista, mas “The Devil and I” tem algo especial. Se você não viu esse clipe ainda – ou não lembra dele – não vou te contar nada, não quero estragar a surpresa.

3. Marilyn Manson – “Sweet Dreams (Are Made Of This)”

Mais uma de Manson! Originalmente lançada pelo duo Eurythmics, em 1983, a faixa acabou se tornando um dos grandes hits do cantor, 13 anos depois. Com imagens distorcidas e Manson se torturando, o clipe se torna item essencial nessa lista.

2. Slayer – “Dead Skin Mask”

Inspirado no serial killer Ed Gein que exumava cadáveres de cemitérios locais e guardava lembranças das vítimas com ele, o clipe tem todaa intenção de ser assustador.

1. Ramones – “Pet Sematary”

Filmado à noite em uma cemitério em Nova York, o clipe dos Ramones não poderia ficar de fora. A faixa foi até escolhida para tocar nos créditos do filme da adaptação da obra de Stephen King de mesmo nome.

O clipe, além de contar com a participação do Blondie e The Dead Boys, é a última aparição do baixista Dee Dee Ramone, que foi mais tarde substituído por C.J. Ramone.

Categorias: Listas Notícias