Historicamente, o In Memoriam do Grammy costuma ignorar ícones do heavy metal

A morte de Vinnie Paul, do Pantera, ano passado devastou a comunidade metal. Ontem, 10 de fevereiro, o 61º Grammy Awards deixou um gosto amargo quando o baterista não apareceu no In Memoriam.

O tributo serve para homenagear músicos e membros da comunidade musical que morreram no ano anterior. Historicamente, a premiação ignorou vários ícones do heavy metal que morreram. Entre eles, Jeff Hanneman do Slayer, Peter Steele do Type O Negative e Paul Gray do Slipknot.

A organização, contudo, listou Vinnie Paul no website, entre as centenas de nomes que morreram recentemente.

Fãs notaram rapidamente a ausência e encheram o Twitter com respostas sobre a exclusão.

LEIA TAMBÉM: Dave Grohl, Corey Taylor, Rex Brown e Scott Ian tocam cover de Pantera

Confira mais notícias sobre: