Led Zeppelin venceu o caso em Junho

A acusação que perdeu o processo de plágio contra o Led Zeppelin no ano passado deu entrada à um novo processo de apelação na última quarta-feira, dia 15. O advogado Francis Malofiy, que serviu no caso em 2016, retorna pedindo um novo julgamento.

Em um documento de 90 páginas, Malofiy alega que a decisão do júri foi baseada em diversos erros que aconteceram durante o processo, “o mais importante destes erros foi que o tribunal não permitiu que o júri ouvisse a composição completa e na íntegra de ‘Taurus’, que Jimmy Page possuía. Além disso, o advogado alega que os membros do júri não foram instruídos corretamente sobre a lei de copyright.

O Led Zeppelin ganhou o caso de plágio em Junho, após 15 minutos de deliberação do juri, que havia concluído que Page e Plant já haviam ouvido Taurus antes de criar a Stairway To Heaven e que havia justo motivo para processar, mas que não houve evidências de que os elementos de cada música eram realmente similares.

Confira mais notícias sobre: