História

O Sepultura foi formado em Belo Horizonte em 1984 pelos irmãos Max e Igor Cavalera. Após algumas mudanças inicias em sua formação, a banda estabeleceu-se com Max na guitarra, Igor na bateria, o vocalista Wagner Lamounier e o baixista Paulo Jr. Em 1985 Lamounier já havia deixado a banda para formar o Sarcófago e Jairo Guedes entrou como guitarrista para tocar no primeiro EP da banda, “Bestial Devastation”. O trabalho, feito em conjunto com a banda Overdose, foi gravado em apenas dois dias.

Em 1986 o Sepultura lançou seu primeiro álbum, “Morbid Visions”, se mudou para São Paulo e trocou de guitarrista. Andreas Kisser entrou no lugar de Guedes, que perdeu o interesse no Metal. Um ano depois a banda lança um álbum mais influenciado pelo Thrash, “Schizophrenia”. O álbum ganhou atenção na Europa e nos Estados Unidos e a gravadora Roadrunner Records assina com a banda para lançar o trabalho mundialmente.

Em 89 o Sepultura lançou “Beneath The Remains”, um de seus álbuns mais aclamados. A banda saiu em sua primeira turnê pela América do Norte e Europa, e fez seu primeiro show nos EUA abrindo para King Diamond.Seus álbuns seguintes, “Arise” (1990), “Chaos A.D’ (1993) e “Roots” (1996) foram outros sucessos internacionais.

Em 1996, o Sepultura informou a Max a intenção de demitir a empresária Gloria Cavalera, sua esposa. Max então deixa a banda e forma o Soulfly. O Sepultura parte em busca de um novo vocalista e em 1998 lança o “Against”, com o americano Derrick Green no vocais. Quatro álbuns depois, em 2007, Igor Cavalera deixa a banda e forma o Cavalera Conspiracy com seu irmão.

Em 2009 o Sepultura lança “A-Lex”, o primeiro álbum da banda sem nenhum dos irmãos fundadores e com apenas Paulo Jr. como membro original. O baterista Jean Dolabella tocou também no álbum “Kairos”, de 2011, mas foi substituido por Eloy Casagrande no mesmo ano. A formação com Kisser, Jr., Green e Casagrande lançou em 2013 “The Mediator Between Head and Hands Must Be the Heart”.

Com 13 álbuns de estúdio, o Sepultura já vendeu mais de 20 milhões de álbuns mundialmente e é considerada a banda brasileira com maior repercussão internacional.

Discografia

Álbuns de Estúdio:

  • Morbid Visions (1986)
  • Schizophrenia (1987)
  • Beneath the Remains (1989)
  • Arise (1991)
  • Chaos A.D. (1993)
  • Roots (1996)
  • Against (1998)
  • Nation (2001)
  • Roorback (2003)
  • Dante XXI (2006)
  • A-Lex (2009)
  • Kairos (2011)
  • The Mediator Between Head and Hands Must Be the Heart (2013)

Formação

Membros Atuais:

  • Paulo Xisto Pinto, Jr – baixo (1984–presente)
  • Andreas Kisser – guitarra (1987–presente)
  • Derrick Green – vocal (1997–presente)
  • Eloy Casagrande – bateria (2011–presente)

Membros Antigos:

  • Wagner Lamounier – vocal (1984–1985)
  • Max Cavalera – guitarra e vocal (1985–1997)
  • Igor Cavalera – bateria (1984–2006)
  • Jairo Guedes – guitarra (1985–1987)
  • Jean Dolabella – bateria (2006–2011)

Confira os destaques do Sepultura no Wikimetal

Os 11 Melhores Álbuns Nacionais

Max Cavalera no Wikimetal

2014: Áudio

2013: Áudio Transcrição

2012: Áudio Transcrição

Andreas Kisser no Wikimetal

2013: Áudio Transcrição

Max Cavalera no Canal Wikimetal

Arise é eleito o melhor álbum do Sepultura com Max

Kairos é o melhor álbum do Sepultura com Derrick Green

Crianças Metal fazem cover de Sepultura

Sepultura em Londres no programa Wikimetal

Andreas Kisser no Porta dos Fundos

Sepultura eleita a melhor banda nacional

Leia Mais

Galeria de Fotos
Sepultura nos Sons da Semana
As maiores vozes do Metal
Max Cavalera manda mensagem sobre manifestações no Brasil
Andreas Kisser fala sobre protestos

E confira tudo que já publicamos sobre o Sepultura

Tags: