Sammy Hagar negou a acusação que ele foi responsável pela fase que o Van Halen usava teclados em suas músicas, na época em que ele estava com a banda – Hagar esteve com o grupo durante os discos 5150 (1986), OU812 (1988), For Unlawful Carnal Knowledge (1991) e Balance (1995).

Em uma entrevista ao Trunk Nation, programa de rádio do jornalista Eddie Trunk, o ex-vocalista do Van Halen comentou sobre a época em que o grupo teve seu som mais “pop”. “Todo mundo me culpou pelos malditos teclados na era Van Hagar”, ele disse, “Começando em 5150. Em OU812 havia muita ênfase nos teclados.”

“Eu não fiz nada disso. Foi o Eddie [Van Halen, guitarrista] que fez. Eddie queria fazer isso. Ele gostava de tocar teclados e era muito bom. Ele fez essas músicas lindas, como ‘When It’s Love’ e ‘Why Can’t This Be Love’, com aquele lick tão legal.” 

O baixista Michael Anthony, também na entrevista, comentou sobre aquela época, revelando que Eddie “mal pegava na guitarra” depois de começar a usar o teclado: “Quando Ed entrou nessa de teclados, ele não pegava na guitarra por um bom tempo. Ele tocava teclado o tempo todo.”

Ouça a entrevista logo abaixo.

Categorias: Notícias