A ideia da turnê foi de Axl Rose mas o cantor foi rejeitado

Três das maiores bandas de Rock quase saíram em uma turnê juntas em 1993. Quase porque o Pearl jam recusou o convite sem hesitar.

Na época, a banda liderada por Eddie Vedder estava aproveitando o sucesso que seu disco de estreia Ten e seu sucessor Vs. fizeram quando Guns N’ Roses se interessou pelo trabalho e convidou o grupo a participar de uma turnê conjunta.

Segundo Doug Goldstein, empresário do Guns, a ideia veio do vocalista do grupo: “Axl [Rose] me procurou uma manhã e disse, ‘Não me importo se formos a banda de abertura, não me importo se não formos pagos, eu quero fazer um ou dois shows reunindo a gente, o Pearl Jam, com o U2 fechando. Você poderia ligar para todo mundo?’ Eu disse, ‘Claro’.”

Paul McGuiness, gerente do U2, concordou imediatamente mas segundo Goldstein, Kelly Curtis, empresário do Pearl Jam, recusou a oferta sem ao menos perguntar à banda: “Perguntei se ele (Kelly) estava disponível e recebi um não. Insisti, mas ouviu-o dizer que não dava a mínima. Quando finalmente consegui fazer o convite, Kelly recusou na mesma hora. Perguntei se ele não consultaria a banda e Kelly mandou eu não me meter em seu trabalho.”

Confira a entrevista completa logo abaixo:

Categorias: Notícias