Ex-namorada de Dimebag fala sobre uma possível reunião

Em uma entrevista para o podcast Talk Toomey, Rita Haney, ex-namorada de “Dimebag” Darrell Abbott, relevou que uma reunião do Pantera poderia ter acontecido se ele ainda estivesse vivo.

“Ele já havia falado ao telefone com Rex [Brown] em seu aniversário, 20 de agosto de 2004, e planejava conversar com ele novamente. Então, sim, definitivamente aconteceria. Pois eu sei que em seu coração ele era um Pantera e sempre seria. (…) Aquilo estava sempre dentro dele e eu sei as coisas que ele sentia quando voltava pra casa. Ele sentia que havia algo a provar. Ele não queria fazer aquelas coisas com Pat Lachman [vocalista do Damageplan]. Ele já estava causando problemas. Tenho várias mensagens de voz que eu recebi de Darell dizendo ‘eu não quero mais trabalhar com este cara, quero mandar ele embora mas não quero que as pessoas pensem que é difícil trabalhar conosco’. É assim que ele se sentia. Então sim, definitivamente eu acredito que eles teriam subido ao palco juntos.”

Ao perguntar sobre a ideia de uma reunião do Pantera com Zakk Wylde ocupando o lugar de Dimebag, Rita diz que não é possível fazer uma reunião sem um integrante da banda: “você não pode chamar isso de Pantera.”

Categorias: Notícias