King relembra a época

Em entrevista a Metal Hammer, o guitarrista do Slayer Kerry King comentou sobre os anos 90 e como o Slayer foi afetado pela nova onda de Rock pesado que surgia:

“Em particular eu não gostava do rumo que a música estava tomando, e eu me deixei afetar pela única vez na minha carreira, o que foi basicamente os anos 90. Eu não conseguia entender porque aquilo estava ficando popular e isso me deixava triste. Eu tive que esquecer e retomar o foco, porque estava me deprimindo. Não estou falando de música pop e coisas assim. Era a música pesada – eu não gostava do caminho que a música pesada estava tomando.”

“Para mim especialmente, o Diabolus In Musica precisou sair para que a gente pudesse olhar e dizer ‘não é isso que é o Slayer, precisamos nos re-encontrar e mostrar a todos que o Slayer continua aqui e que não tentamos ser algo que não somos’. E acho que isso foi o God Hates Us All”.

Tags:
Categorias: Notícias