O Iron Maiden criou uma carreira brilhante ao longo de quase 40 anos. E embora seja uma das maiores bandas de todos os tempos, a Donzela de Ferro não passou livre de polêmicas e de alguns momentos de menor satisfação por parte dos fãs.

Um dos maiores momentos de incertezas que o grupo já enfrentou foi a saída do vocalista Bruce Dickinson na década de 90. Substituído por Blaze Bayley, o cantor fez falta.

Apesar de ter uma boa voz, Bayley não foi uma peça que se encaixou perfeitamente no Iron Maiden. Para alguns fãs, os discos lançados na sua época não se igualam aos mais brilhantes álbuns da carreira da banda, pois Bruce Dickinson e Adrian Smith se tornaram uma dupla e tanto quando sentavam e compunham juntos.

Agora, anos após a retorno de Dickinson, é possível encontrar os pontos fortes daquela época, uma fase que se por um lado, não mostrou o Iron Maiden criando sua melhor arte, por outro lado deu vida a belas obras.

Confira abaixo nossa seleção das melhores faixas do Iron Maiden na fase de Blaze Bayley e deixe nos comentários qual ficou de fora.

11. “The Angel and the Gambler“ do álbum Virtual XI (1998)

10. “The Edge of Darkness” do álbum The X Factor (1995)

09. “Judgement of Heaven” do álbum The X Factor (1995)

08. “Don’t Look to the Eyes of a Stranger” do álbum Virtual XI (1998)

07. “When Two Worlds Collide” do álbum Virtual XI (1998)

06. “Futureal” do álbum Virtual XI (1998)

05. “Virus” – single que mais tarde foi lançado na coletânea Best of the Beast (1996)

04. “Lord of the Flies” do álbum The X Factor (1995)

03. “The Clansman” do álbum Virtual XI (1998)

02. “Man on the Edge” do álbum The X Factor (1995)

01. “Sign of the Cross” do álbum The X Factor (1995)

Categorias: Listas