Dave Mustaine anunciou que está com câncer na garganta

Seguindo o anúncio do câncer na garganta de Dave Mustaine, o baixista David Ellefson comentou o fato.

“Nós estávamos nos preparando para a bomba, sabendo que teríamos que fazer o anúncio”, disse Ellefson. “Pensamentos e preces são sempre bem-vindas. Estamos em Nashville no último mês e já trabalhamos em 50% do álbum. Dave começou o tratamento, então as coisas estão caminhando. Só se tornou uma realidade quando percebemos que ele não poderia se tratar e continuar fazendo grandes shows.”

Ele continuou: “Então tivemos que dizer, ‘precisamos parar. Limpar tudo e colocar isso como prioridade n°1”. O anúncio foi exatamente isso. Só informando a todos que alguns shows terão que ser cancelados até que tudo se resolva. Eu e Dave passamos por uma série de altos e baixos: vícios, separações, reatamentos. Isso é mais um deles.”

Em um anúncio de Mustaine, a banda cancelou a maioria das apresentações de 2019, tirando o MegaCruise. O tratamento tem 90% de chance de sucesso. “Enquanto isso, Kiko, David, Dirk e eu estamos no estúdio trabalhando no sucessor de Dystopia. Mal posso esperar para que todos ouçam.”

“Estamos otimistas sobre o tratamento e o sucesso, que são bons, normalmente. Esse câncer é tratável. Por isso que essa pausa é boa. Se a gente forçasse ele a cantar e performar, o resultado não seria bom.”

LEIA TAMBÉM: Megadeth cancela todos os shows no Brasil após problemas de saúde de Dave Mustaine

Confira mais notícias sobre: