“Quando Warren mencionou a música, minha reação inicial foi, ‘eu não consigo fazer isso’”, disse Grohl

Dave Grohl havia acabado de apresentar a grandiosa “Play” na Carolina do Norte enquanto a neve caia sem parar madrugada adentro. Era a festa após a 30ª Comemoração de Natal de Warren Haynes. Às 4h da manhã, Ghrol percebeu que não conseguiria voltar para casa por causa da neve. “Precisamos achar outro lugar para tocar”, pensou.

Mais uma apresentação foi marcada para o dia seguinte e, em menos de 12 horas, 1.050 pessoas se reuniram na casa Orange Peele. A reapresentação de “Play” com membros do Queens of the Stone Age e Jane’s Addiction seguiu normalmente.  A surpresa foi quando Haynes subiu ao palco e a banda começou a tocar “All Apologies”, do Nirvana.

“Warren disse, ‘Você quer fazer ‘All Apologise’? Isso costumava ser uma pergunta perigosa e delicada, por uma boa razão”, contou Grohl. “’Eu não consigo fazer isso. Eu não devia fazer isso’. Mas quando eu penso que essa música significa muita coisa pra muita gente – a alegria e o amor devem ser compartilhados. Então, enquanto tocávamos, a plateia começou a cantar junto. E eu comecei a chorar e tentava me conter – que momento lindo. Quem sou eu para impedir as pessoas de terem esse lindo momento?”

Assista a apresentação de “All Apologise” abaixo:

LEIA TAMBÉM: Membros do Foo Fighters tocam “Under Pression” com Roger Taylor, do Queen

Confira mais notícias sobre: