Vocalista fez um show solo na cidade durante a guerra dos anos 1990

Nesse fim de semana a cidade de Sarajevo declarou Bruce Dickinson como cidadão honorário para agradecer pelo apoio que deu à capital da Bósnia durante a guerra dos anos 1990.

Durante a turnê mundial para promover o álbum Balls To Picasso, de sua carreira solo, Dickinson fez um show em dezembro de 1994 em Sarajevo, onde chegou em um comboio humanitário escoltado por forças da ONU. O show foi lançado no documentário Scream for me, Sarajevo! de 2016.

“Em um mundo no qual a maioria das coisas dura cerca de cinco minutos nas redes sociais é incrível que, quase 25 anos depois do show que fizemos em Sarajevo, isto signifique tanto para as pessoas a ponto de me darem este prêmio simbólico”, disse Bruce Dickinson.

Mais de 11.000 pessoas morreram no bloqueio de Sarajevo, que durou 44 meses.

LEIA TAMBÉM: Bruce Dickinson: entrar no Iron Maiden foi a “maior montanha-russa do mundo”

Confira mais notícias sobre: