O Carvern Club, histórica casa de shows de Liverpool e local onde os Beatles iniciaram a carreira, corre o risco de fechar permanentemente devido à crise do novo coronavírus. A informação foi revelada por donos de outras casas e oficiais do governo.

Joe Anderson, prefeito da cidade, disse à Liverpool Echo que, apesar de casas terem permissão para abrir em todo o Reino Unido com regras de distanciamento social, o Cavern pode “fechar para sempre” se o Fundo de Recuperação Cultural do governo não for estendido.

“O fato de o Cavern, que é mundialmente famoso, poder fechar para sempre por causa do covid-19 deve abrir os olhos do governo sobre o perigo que a indústria musical está sofrendo. Esse vírus já causou uma dor e um luto inimaginável e agora está se provando ser uma ameaça para nossa cena cultura”, disse Anderson.

Um dos diretores do clube, Bill Heckle, disse para à Echo que o Cavern Club tem perdido £30,000 por semana desde o início da pandemia e recentemente precisou demitir 20 funcionários. “Nós decidimos há alguns anos deixar uma quantidade no banco para uma situação difícil, mas não imaginamos que poderia ser tão ruim”, disse Heckle revelando que a reserva de dinheiro foi reduzida pela metade pela pandemia.

“É uma parte importante da economia de Liverpool e é por isso que estamos planejando abrir o Cavern durante uma semana virtualmente no fim de agosto”, disse Heckle. “Nós sabemos que não ganharemos dinheiro com isso, é sobre lembrar às pessoas que estamos aqui.”

Categorias: Notícias