Pitman recebeu menos do que pedia

De acordo com a TMZ, Axl Rose negociou e chegou a um acordo com o ex-membro do Guns N’ Roses Chris Pitman, que processou o vocalista por dívidas em torno de 160 mil dólares.

Pitman fez parte do grupo de 1998 até a reunião atual, tocando teclado, baixo, fazendo backing vocals e outros diversos instrumentos em turnês passadas, e chegou a gravar também o último álbum da banda “Chinese Democracy”. Pitman foi substituído na turnê atual por Melissa Reese.

Pitman processou Rose afirmando que o vocalista lhe deu uma carta promissória de US$125 mil dólares em dívida por seu trabalho no grupo que deveria ser paga em 2012, mas não foi. Com juros, Pitman pedia US$ 163 mil.

A TMZ alega que os músicos chegaram a um acordo este mês e que o processo foi anulado. Apesar dos termos confidenciais do contrato, a TMZ diz que Axl fez o acordo pagando menos que os US$ 163 mil que Pitman havia pedido.

Categorias: Notícias