John Oliver ressalta a atitude de Danica Roem

O apresentador do famoso programa “Last Week Tonight” John Oliver citou a banda Nickelback ao fazer uma piada sobre o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump.

Após mostrar um vídeo no qual o membro do congresso americano Paul Gosar usou o mesmo tipo de resposta de Donald Trump, esquivando-se das perguntas com “fake news, fake news” (notícias falsas, notícias falsas), John Oliver diz:

“ok, ele está basicamente copiando Trump. E se existe uma coisa pior do que algo que já é ruim, é uma banda cover dessa coisa ruim. Se Trump fosse o Nickelback, esse Paul Gosar seria o Bickelnack, uma banda cover de Nickelback, não tão boa quanto a original, porém um sinal assustador que a doença está se espalhando”.

No mesmo vídeo, John Oliver também conta a história de Danica Roem, a primeira pessoa abertamente declarada transexual a ser eleita nos Estados Unidos e que é vocalista da banda de Thrash Metal, Cab Ride Home.

Oliver enaltece a resposta que Roem dá quando a repórter lhe pergunta “O que você diria ao seu adversário Robert Marshall que foi derrotado e que tanto te ofendeu durante a campanha?”. E Danica Roem diz:

“A partir de Janeiro, ele será uma das pessoas que eu representarei no Congresso. E eu não vou desrespeitar uma pessoa que eu represento”.

John Oliver recentemente já havia citado o Slipknot em outro episódio

Confira abaixo o vídeo (em inglês) com as citações (a do Nickelback aos 15 minutos e a de Danica Roem aos 18 minutos):

Confira mais notícias sobre: