“Estava usando meu boné de camuflagem, então pensei que fosse ajudar”

O Slayer está se aproximando dos meses finais de sua turnê de despedida que terá sua última data em San Jose em agosto. Com isso, já é de se imaginar as loucuras que os fãs fariam para conseguir assistir seus ídolos pela última vez.

Esse certamente foi o caso de Chris LaRocque, um fã não só de Slayer mas também do Anthrax que está abrindo uma série de shows para o grupo. Durante um show no Canadá, o homem foi expulso logo no início da apresentação por estar muito bêbado e incomodando os outros fãs ali presente.

Porém, LaRocque não aceitou bem o que aconteceu e decidiu usar os lagos que rodeiam o Budweiser Stage para voltar ao show. O ocorrido foi tão inesperado que o frontman do Anthrax, Scott Ian, publicou em seu Instagram oficial uma foto do fã nadando seu caminho de volta.

Claro que mais tarde, quando os seguranças o encontraram, ele foi expulso novamente. Em uma entrevista ao Exlclaim, o fã explicou: “Eu estava um pouco alterado, mas não podre de bêbado ou algo assim, mas estava me sentindo bem. […] Fiquei preocupado em colocar minhas partes na água e congelar. Eu não estava nadando rápido. Tentei não ser percebido. Estava usando meu boné de camuflagem, então pensei que fosse ajudar.”

A loucura foi tanta que chegou aos ouvidos do guitarrista do Slayer, Gary Holt, que acabou pedindo aos seguranças que LaRocque ficasse no show, mas não adiantou. Segundo o site Consequence of Sound, o fã ganhou ingressos para assistir as bandas em Londres.

Confira mais notícias sobre: