Trujillo fala sobre seu filho tocar no Korn

No episódio do último dia 15 do programa Altas Horas, o guitarrista do Sepultura Andreas Kisser falou com os membros do Metallica Lars Ulrich e Robert Trujillo. As duas entrevistas podem ser vistas no site da Globo, clicando nos links abaixo:

Entrevista com Lars Ulrich
Entrevista com Robert Trujillo

Na entrevista com Lars Ulrich, Kisser questiona o baterista sobre o que ele lembra da primeira vez que veio ao Brasil, em 1989. Ulrich responde: “O que eu lembro dessa primeira vez é de jogar frisbee na praia no Rio de Janeiro, não lembro se era Copacabana ou Ipanema. Estávamos nos acostumando com o jeito do Rio de festejar, e acho que acabamos jogando frisbee por tipo 12 horas sem parar. E acho que estaríamos jogando até agora se o frisbee não tivesse caído no mar e ido embora”.

Ulrich também fala sobre a educação musical de seus filhos, e comenta como ele lida com as críticas em relação ao seu jeito de tocar: “Eu trabalho muito em estar em boa forma para tocar, para estar mentalmente e fisicamente apto para tocar”.

Na entrevista com Robert Trujillo, o baixista fala sobre o seu filho Tye Trujillo, que tocará no Brasil com o Korn esta semana: “Eu nunca forcei ele a tocar um instrumento. Sempre disse que se ele escolhesse isso eu apoiaria. No começo ele tocava bateria. É lindo porque ele tem 12 anos e ainda age como um menino de 12 anos, mas quando se trata de música ele é muito focado. E com o Korn, é engraçado porque eu não o ensinei nada, eu estive muito ocupado. Mas ele está levando essa oportunidade muito à sério”.

Tags:
Categorias: Notícias