“John Lennon gritava de animação”

Alice Cooper acaba de passar pelo Brasil, fazendo shows memoráveis em dois grandes festivais, Rock In Rio e São Paulo Trip e nós do Wikimetal conversamos com ele.

Ao comentar sobre o Rock and Roll atual, Cooper diz que o fato do Guns N’ Roses voltarem e termos bandas como Aerosmith, Foo Fighters e Green Day fazendo shows é um exemplo que a cena do Rock está viva.

Relembrando grandes músicos e amigos, Cooper conta sobre um episódio engraçado que aconteceu com ele e sua banda em 1968 durante um festival em Toronto, Canadá, onde o lineup era composto por John Lennon e The Doors, “eles eram muito famosos e nós éramos praticamente desconhecidos”.

“O The Doors foi lá, fez o show e John Lennon está se preparando para entrar no palco após nossa apresentação e ele está nos assistindo quando eu vejo penas em todo o lugar. Eu olhei para baixo e tinha uma galinha no palco. Eu não levei uma galinha! Eu fiquei ‘como tem uma galinha no palco?’. Então eu peguei e joguei para a plateia, pensando que ela voaria. Sabe, ela tem penas e asas, é uma ave! E ela caiu. Aí a plateia começou a destruí-la e a jogou de volta para o palco.

No dia seguinte, os jornais estavam falando ‘Alice Cooper mata galinha e bebe seu sangue’. Claro que isso nunca aconteceu. E foi em um show pacífico e John Lennon gritava de animação! No dia seguinte, Frank Zappa me ligou e perguntou ‘Alice, você matou uma galinha no show noite passada?’ e eu disse que não, então ele disse ‘não conte isso a ninguém, todo mundo adorou!’. Até hoje eu não sei quem levou a galinha para o show. Quer dizer, você está saindo para ir a um show, você leva sua carteira, seu ingresso, sua esposa e a chave do carro, você não leva uma galinha!”

O músico também nos contou sobre o que achou de seu documentário Super Duper Alice Cooper, “eles me apresentaram como o Jekyll e Hyde. Agora eu sou assim, mas quando estou no palco eu sou totalmente diferente, eu sou um vilão terrível. E quando o show acaba, eu volto a ser eu mesmo.”

Wikimetal entrevista Alice Cooper